Construindo e reformando um prédio com alta segurança

Todo trabalho em altura exige uma série de cuidados, orientados, inclusive pela NBR 35 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Em grandes edificações, sejam elas residenciais ou comerciais, esses cuidados devem ser seguidos à risca, nas reformas ou construções.

A Pintura da fachada predial, por exemplo, é um serviço muito necessário. De acordo com a recomendação da legislação urbana paulista, esse retoque deve ser feito a cada 5 anos, em média.

Além das pintura na fachada existem outros serviços como a higienização dos vidros que também exige cautela dos profissionais responsáveis por isso. Nas duas situações, o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) como um cinto de segurança, o capacete e as Redes de proteção para operários é fundamental para que nada fuja do controle.

Se você é síndico (a) do condomínio ou mora no prédio e também deseja melhorias e mais segurança para os colaboradores que tornam o local ainda melhor para conviver continue lendo esse artigo e saiba como construir ou reformar um prédio com segurança.

Pintura de fachada predial

A fachada é o cartão de visita de qualquer estabelecimento. Por isso manter a pintura conservada e a fachada limpa é algo que todas as pessoas que moram em prédio devem fazer ou contribuir para que seja feito da melhor forma.

Quando a fachada não é individual e sim coletiva, a Pintura de fachada predial é um bom exemplo de reparo que precisa ser feito com segurança.

Para a realização desse tipo de serviço, inclusive, o mais indicado é que as empresas contem com alguma parceria como as empresas terceirizadas em limpeza predial.

Além de garantir um serviço de pintura especializado, essas empresas geralmente já oferecem o pacote de serviços, incluindo itens como:

  • Equipamentos de proteção individual (EPI);

  • Tinta para pintura;

  • Pincéis e ferramentas de trabalho;

  • Equipe especializada.

Para trabalhar em altura, é fundamental que o profissional em questão tenha o apoio de uma Tela de proteção preço m2. Essas telas podem ter dimensões e matérias-primas variadas.

Mas, essencialmente, são ótimas para proteger a pessoa que está trabalhando no alto pois são anti queda ou limitadoras de queda. Neste cenário, além da NBR 35, é interessante também adquirir esses elementos com base na NR 18 da ABNT.

Rede de proteção para operários: Como escolher?

Escolher as redes de proteção ideais para os profissionais que trabalham na construção civil exige alguns critérios básicos. Além da qualidade do material (opte por produtos certificados pela ABNT para a construção civil), essas redes precisam ter um bom reforço estrutural para aguentar o peso em situações de emergência.

Há vários tipos de rede neste cenário. A chamada rede de proteção tipo trapézio, por exemplo, é a mais flexível. Apesar de não impedir totalmente uma queda ou parte dela, esse tipo de rede evita lesões graves.

Considerando que somente em 2017, o Brasil registrou 350 mil mortes de trabalhadores por conta de acidentes de trabalho, segundo dados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), investir em itens de segurança como a Rede de proteção para operários é essencial.

Além disso, outros fatores podem potencializar o trabalho em altura, prezando pela segurança. São elas:

  • Capacitação de segurança para profissionais da construção civil;

  • Realização de parcerias com o hospital;

  • Roda de conversas com os moradores do prédio;

  • Adequação dos equipamentos para cada situação.

Ferramentas que otimizam tempo e protegem

Além das redes protetivas e do investimento na capacitação dos profissionais que trabalham com reformas e pinturas em edificações, investir em ferramentas que auxiliam esse tipo de rotina é muito válido.

O uso de equipamentos da construção civil como os guindastes, por exemplo, é um ótimo recurso neste cenário.

Além disso, as plataformas elevatórias, os óculos de segurança, as máscaras e os cintos de segurança são indispensáveis.

Investir na compra ou no aluguel das ferramentas para reformar/construir um prédio em segurança não é desperdício e sim uma necessidade. Aliás, uma obrigatoriedade pensando no ramo das normas de segurança do trabalho que toda empresa deve seguir de acordo com seu segmento.

Entender que os trabalhadores que realizam de um serviço de pintura até a lavagem da fachada completa merecem respeito, proteção e cuidado no ambiente de trabalho é primordial.

Se você gostou da ideia e está pensando em como organizar a próxima Pintura de fachada predial não se esqueça dessas dicas. Uma boa reforma ou construção é aquela que valoriza o prédio sem desvalorizar quem trabalha para manter a beleza e a ordem dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *