5 tendências de pisos para sua casa

pisos

No momento da construção de uma casa ou um estabelecimento, uma das partes mais importantes é a escolha dos pisos. Isso, porque ele influencia em diversos pontos, como decoração, praticidade, diversidade e até mesmo na temperatura do local.

Por causa disso, trouxemos cinco opções de pisos neste texto. Vamos falar, também, sobre a instalação e a manutenção de cada um. Quer saber mais? Continue lendo!

1. Piso laminado de madeira

Comprar piso laminado é normalmente uma das escolhas mais comuns entre as pessoas. Por ter um bom custo-benefício, esse tipo de piso é fácil de instalar e cuidar. Outra vantagem de optar por ele é sua beleza e a facilidade de combiná-lo com diversos tipos de decoração.

O piso laminado tem uma grande durabilidade, o que faz com que seja ainda mais econômico e resistente. Algumas outras vantagens da instalação de piso laminado preço são:

  • Ele é versátil;
  • É um excelente isolante térmico;
  • É de fácil instalação;
  • É de fácil manutenção.

Ele é de fácil instalação pois, caso já haja outro tipo de piso no local, ele pode ser colocado por cima, sem a necessidade de retirada do primeiro. A isso, dá-se o nome de piso flutuante.

Isso evita uma mão de obra mais complexa. A manutenção também é simples, já que ele requer apenas uma passada de pano úmido para se manter limpo e um pano seco para evitar problemas com umidade.

2. Piso vinílico

O piso vinílico preço tem um ótimo custo-benefício e tem crescido cada vez mais na preferência de arquitetos e moradores. Sua forma de instalação pode ser feita por meio de tacos, tapetes ou manta vinilica e também é muito simples.

Algumas outras vantagens desse tipo de piso é que eles não retêm poeira e nem líquido. Além disso, os pisos vinílicos não mancham e são muito resistentes. Eles também são antiderrapantes, o que acaba oferecendo mais segurança aos moradores do local.

Um ótimo motivo para se escolher esse tipo de piso é que ele é ecológico, já que é feito com materiais reciclados. A manutenção do vinílico também é simples, sendo necessário apenas uma vassoura e um pano úmido

3. Piso de porcelanato

O porcelanato é um dos favoritos, por apresentar beleza e elegância. Isso, porque ele apresenta um brilho único. Apesar de não ser tão barato quanto os outros citados, sua resistência é bastante alta, já que ele não absorve nada de umidade.

Assim, a manutenção acaba sendo, também, muito simples e pode ser feita apenas com panos.

Ele é ideal para ser instalado em ambientes internos. Como ele não absorve umidade, se instalado em locais externos, pode acabar ficando muito escorregadio quando chove, por exemplo.

Aliás, a instalação desse tipo de piso é um pouco mais complexa que as outras, sendo necessário rejunte e argamassa. Dessa forma, o ideal é contratar profissionais especializados para essa tarefa.

4. Piso de granito

Assim como o porcelanato, o piso de granito também não é uma escolha tão barata. Por ser muito bonito, elegante e durável, mas adquirir esse produto pode ser um pouco mais salgado.

Porém, sua maior vantagem é justamente a sofisticação na decoração que ele dá. Além disso, ele também se parece com o porcelanato, tanto na manutenção quanto na instalação.

Uma dica importante é no momento de recuperar o brilho desse piso. Com o tempo, ele acaba se apagando. Para fazer com que se torne novo, um passo a passo eficiente é:

  1. Realizar polimento;
  2. Aplicar ceras;
  3. Fazer limpeza diária com pano úmido;
  4. Limpar com detergentes neutros.

5. Piso de cimento queimado

Por fim, uma das maiores tendências que têm surgido ultimamente é a utilização do cimento queimado. Além de ter um preço muito abaixo de outros tipos de piso, ele não sofre desgastes, não acumula poeira e não absorve umidade.

Sendo assim, é uma forma inovadora e barata de garantir que a decoração do local fique incrível.

Para manter esse piso bonito e limpo, basta passar a vassoura e aplicar detergente neutro. Além disso, uma dica é tratar o piso com resinas acrílicas, para diminuir a porosidade.

Sua instalação é feita com uma mistura de cimento, areia e água. Após a aplicação, ele é finalizado com cimento em pó e polido para ficar liso. É uma ótima escolha para quem mudar sem gastar tanto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *