Saiba o que precisa sobre o licenciamento da sua obra

O setor da construção civil é um dos mais importantes para o desenvolvimento do país. Por meio dele, diversos empreendimentos como residências, edifícios e ainda edificações de maior porte como é o caso de pontes e viadutos, podem ser construídas.

Mas, para uma obra ser iniciada e concluída existem alguns processos tanto em relação a quem faz a obra como também sua liberação frente aos órgãos públicos.

Outro detalhe importante refere-se também ao meio ambiente, já que uma construção gera muito entulho, que é considerado um resíduo sólido, podendo ter uma reutilização ou não.

Por isso, esse artigo trará algumas dúvidas sobre o que você precisa saber sobre o licenciamento da sua obra e ainda, como trazer menor impacto negativo ao meio ambiente por meio da sua construção.

Licenciamento da obra: liberação diante dos órgãos públicos

Não é só decidir: “quero construir”. É necessário dar entrada na Prefeitura do seu município com o projeto mostrando:

  • A área que se pretende construir;
  • Cobertura para garagem;
  • Espaço de recuo para calçada;
  • A documentação de compra do terreno, provando ser dono da propriedade.

Além disso, o projeto é avaliado para verificar qual tipo de construção pretende-se fazer, por exemplo, uma casa ou edifício.

Em construções maiores e mais complexas, o cuidado deve ser reforçado, principalmente quanto à estrutura e mecanismos de segurança.

Se toda documentação estiver dentro da conformidade técnica estabelecida pelo órgão, é emitido um alvará de autorização da obra.

Caso a pessoa comece a construir sem esse alvará, a Prefeitura do seu município tem o direito de embargar a obra, impedindo sua realização e ainda, aplicando multa por não ter a documentação correta.

Devido isso, ter o licenciamento de obras e construções torna-se de extrema importância para que o cliente não jogue seu dinheiro fora, nem tenha atraso em sua obra.

A proposta é tornar o tempo ainda mais otimizado e finalizar a construção o mais rápido possível, mas dentro das regras estabelecidas em lei.

Geralmente, quando alguém deseja construir, existem um apoio e orientação técnica por parte da construtora ou equipe de engenharia civil.

Eles podem auxiliar nesse processo frente à prefeitura, exatamente por mostrar conhecimento técnico sobre a realização do serviço.

Impacto ambiental: como a obra não poluir o meio ambiente

Que uma obra gera muito entulho, já citamos. Muita areia, pedra, pedaços de madeira e até terra podem ser simplesmente descartadas, mas existe um local apropriado para esse tipo de material e ele pode ser tanto reutilizado como reciclado.

Estamos falando da caçamba entulho. A caçamba é um material metálico que abriga de forma segura e confiável o entulho para que o mesmo não fique espalhado e contribua para a contaminação ambiental.

Esse material sem destinação correta ou sem estar abrigado pode ajudar a contaminar o solo e todo o redor da construção. Por isso, ter esse bom senso e organizar o local é importante.

Geralmente, como o entulho é gerado em grande volume, é necessário realizar o aluguel de caçamba entulho com o objetivo de abrigar de forma qualificada esse material.

Dentre as vantagens em realizar a locação é que existem caçambas de diferentes tamanhos e volumes, ou seja, o cliente consegue locar a depender da sua necessidade.

Além disso, o transporte do equipamento fica por conta da empresa que cedeu o equipamento por meio da locação, assim como sua manutenção e possíveis problemas técnicos.

Ainda, retirada de entulho ensacado também pode ser depositado na caçamba por uma questão de organização, mas também é possível encontrar sacos próprios para a construção civil, no qual é possível abrigar principalmente areia.

Vale destacar que esse material ainda pode ser reutilizado em outros serviços internos ou doados para outras construções.

Gerenciamento de resíduos sólidos

Uma das políticas estabelecidas quando o assunto é poluição ambiental, refere ao gerenciamento de resíduos sólidos.

Esse assunto abrange a questão da logística reversa, que trabalha para que um material descartado volte à indústria e depois inicie o ciclo novamente de ir para um cliente.

Por isso, com a retirada de entulho, a ideia jamais é devolver esse material para a natureza, mas reaproveita-lo ou atribuir nova função para o mesmo.

Geralmente, quem pode ajudar uma construtora é o profissional da engenharia ambiental que possua conhecimento técnico sobre o descarte adequado do entulho e seus métodos de reaproveitamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *