A construção civil: transporte, epóxi, calhas e rufos

construção

A construção de imóveis, sejam eles de pequeno ou grande porte, traz uma demanda acerca dos detalhes que precisam ser delineados com o objetivo de garantir a melhor entrega para o cliente.

Dentre as etapas de um processo construtivo, após a elaboração do projeto do imóvel ou do ambiente comercial, uma equipe pode iniciar seus trabalhos no local.

Mas, realizar uma construção não é uma tarefa fácil e por isso, o uso de alguns equipamentos podem ser essenciais para ajudar no dia a dia de quem constrói.

Em alguns momentos, pode ser necessário, inclusive, o transporte equipamentos pesados para auxiliar na construção. Por exemplo, digamos que um prédio será construído e é necessário a presença de um guindaste no local.

O transporte desse equipamento precisa ocorrer por meio de uma equipe técnica e especializada, visando evitar dores de cabeça e acidentes no local de trabalho.

Assim como o transporte de equipamentos pesados pode ser necessário, outros equipamentos de menor porte também são necessários. Neste aspecto, podemos ressaltar o uso de furadeiras, lixadeiras e as betoneiras.

Uso do epóxi

Após a construção do imóvel ou centro comercial, é importante decidir o tipo de aplicação de pintura, assim como do piso que deve ser instalado no local.

Um exemplo interessante diz respeito ao uso do piso epóxi para estacionamento ou em outros locais externos, exatamente por conta de sua resistência e durabilidade.

Mas, o que é o epóxi? A tinta epóxi funciona como uma resina, que pode ser aplicada em diferentes superfícies, desde pisos, pedras ou em outros elementos que necessitem de um revestimento.

Seu uso é indicado, principalmente, por conta de suas características que são:

  • Material não é abrasivo;
  • Resistente;
  • Durável;
  • Impermeável;
  • Auto nivelante;
  • Instalação rápida e prática.

Sendo assim, existem diversas possibilidades para realizar esse tipo de instalação, além de agregar também um aspecto decorativo para as áreas externas.

A instalação de calhas e rufos

Após a instalação do telhado em uma construção, chegou o momento de instalar também elementos essenciais, como é o caso das calhas e rufos.

Muitas pessoas ainda possuem dúvidas acerca das diferenças entre esses elementos, e por isso, falaremos sobre isso nesse artigo.

Primeiro, é importante compreender o que é uma calha de alumínio. As calhas são elementos que funcionam como canais que servem para coletar as águas da chuva. Essa água incide sobre o telhado e pode se deslocar até mesmo para o terraço desta casa.

Por isso, a calha serve como elemento coletor, que pode ser feito de vários materiais, desde o alumínio, aço ou materiais que sejam revestidos, com o objetivo de que o metal não sofra corrosão.

As características das calhas sofrem alteração a depender de alguns elementos como:

  • O tipo de telhado;
  • O tipo de telha;
  • O comprimento do material;
  • O local onde a calha será instalada.

Mas, por que é importante instalar uma calha de aluminio? Os motivos variam desde a importância de evitar uma umidade excessiva no telhado, além de servir como um elemento de proteção do telhado.

Isso ocorre porque a calha consegue realizar a condução da água de forma eficiente, evitando alagamentos, ou seja, a vida útil do seu telhado fica muito maior.

Neste aspecto, é importante ressaltar também que existem vários modelos de calhas e por isso, é fundamental contar com uma equipe especialista para orientar a respeito do melhor modelo para seu imóvel.

Vale ressaltar que as calhas são fáceis de limpar, estão dispostas em vários modelos que são versáteis, além de apresentar resistência e durabilidade. Além das calhas, outro material que merece destaque e que trabalha em conjunto é o rufo de aluminio.

Mas, o que são os rufos e quais são as diferenças na comparação com a calha? Os rufos são fixados em alguns locais do telhado, com o objetivo de evitar uma infiltração tanto na parede como no muro.

Com isso, a pintura do local também não fica danificada ou até mesmo com o surgimento de mofo e manchas.

Assim como as calhas, esses materiais também são feitos com elementos metálicos e geralmente, apresentam uma instalação fácil, segurada também por pregos.

Vale ressaltar que os rufos também estão disponíveis em modelos variados a depender do local de sua instalação e que deve ser instalado por um profissional técnico, a partir de um estudo do telhado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *